O que somos?

Quem somos?

Uma construção de expectativas? A forma como nos percebemos? O que a sociedade espera? O que a família espera? O que os amigos esperam? O que realmente somos?

Essas perguntas são o que tentamos ser muitas vezes. A construção de nossa personalidade é formada nesse meio. Sem perceber, vários fatores influenciam nossa formação, na constituição do nosso verdadeiro “eu”.

Viver tentando atender essas inúmeras expectativas é demasiadamente pesado, haverá um momento que perceberemos que é impossível atender a tudo, a partir de então começa a construção de nossa verdadeira personalidade.

Perceber que todas as escolhas que fizemos ao longo da vida são de responsabilidade única e exclusivamente nossa, as consequências dessas escolhas também. Há que se ter coragem para encarar que suas escolhas dependem de você. A família, os amigos, com certeza querem o nosso melhor, no entanto, eles não sabem o que é o melhor para nós, na vida há poucas garantias, então corra riscos, os seus próprios riscos, viva a sua vida arcando com suas próprias escolhas, não terceirizando responsabilidades e decisões, lembre as consequências de todas as atitudes (ou falta de atitudes) serão arcadas única e exclusivamente por você.

Já descobriu quem realmente você é?

Frederico da Luz – 20-05-2015
Anúncios