Amor, Amizade ou Medo?

Não sei se acontece com vocês, já me vi em situações que achei que estava ficando apaixonado por uma amiga. Pela afinidade normalmente acentuada, confesso que já me percebi perdido, não sabendo o que aquele sentimento era, amizade, paixão, amor ou uma confusão e mistura de tudo isso.

A conduta que tenho em relação a isso, quando percebo essa situação é a seguinte. Como entendo que a amizade é algo que eu prezo muito, não a arriscaria por uma paixão, sabendo que haveria grande possibilidade de perder ela, caso aquilo não se tornar amor.

Lembro até hoje de uma situação em que me apaixonei pela irmã de um amigo. Lembro que antes de qualquer atitude em relação a esse sentimento que percebi, cheguei e perguntei a ele, o que ele achava da situação. Mesmo tendo intimidade suficiente para isso, confesso que não foi uma situação confortável. Só que isso me gerou tranqüilidade e paz. Deixando as coisas claras tanto para mim, como para ele.

Vocês lendo isso talvez estejam pensando. O que uma coisa tem haver com a outra? Pedir autorização para o irmão, em relação a sua irmã, parece que voltamos alguns séculos. A questão não é essa, e sim o risco de perder a amizade e que algo entre nós se modificasse. Namoradas, paixões vêm e vão. Amizade é um bem para mim que não coloco em risco. Se estou certo? Não sei. Talvez o medo seja algo escondido ai. Finalizando a história, bem acho que vocês não são curiosos, então vou para por aqui.

Hoje tenho amigos e algumas são mulheres, lindas, inteligentes, atraentes, enfim, mulheres que digamos são pra “casar”. Analisar e distinguir esses sentimentos amizade, paixão, amor não é tão simples. Sigo a mesma linha, não me permito que isso cresça (como se eu tivesse esse poder), a amizade vem sempre em primeiro lugar, talvez seja esse o motivo de estar solteiro.

E com vocês isso já aconteceu?

Frederico A. S. da Luz – 14-05-2012

Anúncios

9 thoughts on “Amor, Amizade ou Medo?

  1. Ei! Os leitores são curiosos sim!! hehehe
    Eu estou deixando uma mensagem só pra dizer que não existe paixão ou amor que perpetue um relacionamento por muito tempo se não houver amizade e companheirismo! No meu relacionamento tem fases em que meu marido é minha grande paixão, em outros momentos é meu grande amor, mas sempre segue sendo meu melhor companheiro. Uma coisa não sobrevive sem a outra. bjs a todos!

  2. Como sempre ….mto interessante,apesar de nunca ter passado por isso.Mas tb acho que paixões vem e vão e amizade é um sentimento sagrado que temos que fazer tudo para manter….
    A gte sem amizade nào é nada,,,
    bjbjbjbjb
    EU TE AMO…

    Waleska

  3. Frederico no momento só dei uma olhada,amanha eu vou ler c mais tempo p deixar uma resposta ao teu texto.Abraços

  4. O medo e um pessimo conselheiro… veja os depressivos… no meu caso acredito que tem que experimentar mesmo… pois a vida e uma so… o que os olhos nao veem o coracao nao sente… melhor fazer e se arrepender do que ficar com vontade e recalcar rsrsrs… se for amizade de verdade nada estraga!!! 🙂

  5. Muito legal a reflexão, também acho que em certos casos a amizade não segue a mesma.

  6. Legal a reflexão, mas concordo com o Eduardo!
    Amizades verdadeiras… não se acabam… se tentar um relacionamento a partir de uma amizade e não der certo… o tempo fara com que a amizade se reestabeleça… só o tempo… Mas de grandes amizades podem surgir, sim, grandes amores! Quando a gente já conhece a pessoa, sabe dos objetivos de vida, se somam com os seus e.. se há um certo “click”.. penso que vale a pena tentar! Em geral.. o medo é o aniquilador da personalidade humana! Com medo de errar, e de perder… as pessoas deixam de tentar! Com medo de ser feliz… as pessoas deixam de tentar!! Ouvir o coração, penso eu, seja a melhor forma! Se o coração diz para “ir em frente”, “para se abrir de forma mais especial com alguém”, “para se permitir ser feliz”… é porque existe algo de bom a ser vivido neste caminho! O medo de perder só trará a dúvida, e, quem sabe, afastará um relacionamento que poderia ser, harmonioso e para a vida toda!
    O coração sugere… o homem escolhe… o medo limita!

  7. Fred, desencana,
    Com amiga que é bom…
    Bobeou, agente pimba…rs

    Abração.
    Jr.

  8. Velho, penso da mesma forma, apenas com a distinção de que em certos casos vale à pena arriscar..
    O correto é analisar o certo e errado, averiguar se não é apenas algo passageiro, mas o medo de não dar certo é grande motivo para o ser humano não ir adiante, seja nos negócios, nas relações profissionais e PRINCIPALMENTE no AMOR!
    Devemos partir da premissa de que a amizade verdadeira nunca se acaba, não nos privando de poder viver algo que acreditamos… afinal, o futuro ainda está por ser escrito, e por que não ao lado de alguém que temos afinidade?

  9. Pra mim quem é amigo de mulher é cabeleireiro.
    Abraços do zagueiro que orienta o time!!! Alias, poderias escrever um texto sobre o excesso de toquinhos no futebol… solta a bola Frederico!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s